Pages

Sunday, August 29, 2010

Happy silences

Por vezes fico muito calada. Como se tivesse zarpado para fora de mim. Um sinal a dizer Volto Já à porta e a conchinha vazia. O corpo não reage, o sistema desligou. Offline. É o que parece. E a pergunta vem sempre: Estás bem? Ficaste tão calada de repente. Estás triste?

Não. Pelo contrário. O corpo não se move porque a alma não respira. Não tem espaço para isso. A felicidade espalha-se do interior até às paredes de pele. Mais e mais a cada dia. Sufoca e engole palavras. Cristaliza qualquer tipo de resposta. Fico com um sorriso idiota estampado no rosto e mais nada. Também que mais é preciso? Sou feliz e basta.

4 comments:

maria said...

Joaninha, saudades minha linda.Beijinhos Batistinha

Tati said...

aww...love is in the air tanananana

Kepster said...

So, what´s his name...? ;-)

joana said...

Have coffee with me and I'll tell you ;) Deal?